publicidade

Disputa Judicial de R$160 Milhões entre Palmeiras e WTorre Desdobramento no STJ

A batalha judicial entre o Palmeiras e a Real Arenas, braço da WTorre, ganha novo capítulo com o Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Reprodução: Flickr Palmeiras
Reprodução: Flickr Palmeiras

A disputa fora das quatro linhas entre Palmeiras e a Real Arenas, subsidiária da WTorre responsável pela administração do Allianz Parque, atingiu um novo estágio com um desfecho no Superior Tribunal de Justiça (STJ). Nesta semana, o tribunal negou uma liminar à construtora no processo em que o clube cobra R$160 milhões.

O embate jurídico teve início há anos e gira em torno da alegação do Palmeiras de que a WTorre não repassou ao clube receitas provenientes do estádio desde 2015. Segundo o clube alviverde, essas receitas incluem uma variedade de fontes, como aluguel para eventos, exploração comercial de áreas dentro do estádio, locações de camarotes e cadeiras, entre outros.

A disputa tomou um novo rumo quando a Justiça exigiu que a Real Arenas apresentasse garantias de que seria capaz de arcar com o valor cobrado pelo clube. A construtora, no entanto, recorreu à Justiça e ao STJ na tentativa de evitar tal exigência, o que resultou na negativa de sua liminar.

Com isso, embora ainda não seja obrigada a fazer o pagamento imediato, a WTorre terá que demonstrar, perante o tribunal, sua capacidade financeira para cumprir com o débito nos próximos dias.

O valor em questão, R$ 160 milhões, é apenas uma parte do que o Palmeiras alega ser devido pela construtora, e a expectativa é de que esse montante continue a crescer à medida que o litígio se desenrole, dada a continuidade dos eventos no estádio.

Além desse processo, o clube planeja acionar judicialmente a Real Arenas novamente, desta vez devido ao prejuízo causado pela interdição do Allianz Parque por mais de um mês. A indisponibilidade do estádio para realização de jogos gerou impactos financeiros significativos ao clube, que busca reparação pelo ocorrido.

O desfecho final desse embate ainda está por vir, mas o recente veredicto do STJ indica que a batalha entre Palmeiras e WTorre está longe de chegar ao fim.

Compartilhe:

publicidade

Victor Boscato, 21 anos, jornalista, atua no mercado esportivo há 3 anos. Trabalhou como redator do Denarius e São Paulo Para Crianças.Trabalha na Neo Brands atualmente e atua como estagiário dessa agência de publicidade brasileira com foco em marketing esportivo.

Nota do editor: os textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais iconográficos publicados no espaço “opinião” não refletem necessariamente o pensamento do Sports MKT, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

POST RECENTES

Sand Series arrecada fundos para construção de quadra em comunidade de São Paulo
Vitória do Bayer Leverkusen mostra que há luz no fim do túnel do futebol
New York Jets revela nova identidade visual
New York Jets revela novos uniformes "Legacy Collection" para a temporada 2024
Fórmula 1 anuncia retorno do GP da Austrália como corrida de abertura na temporada de 2025
Arsenal e PRIME lançam garrafa personalizada