publicidade

Acionista do Manchester United, Ariel Investments segue se desfazendo de sua parte do clube

A incursão da Ariel no Manchester United teve início em 2021, quando adquiriu 6,6 milhões de ações durante o terceiro trimestre
Reprodução Instagram Manchester United
[category_info]

No terceiro trimestre, a Ariel Investments prosseguiu com a venda de sua participação no Manchester United, como revelado em um arquivamento da SEC na segunda-feira. Durante os últimos três meses, a empresa reduziu sua posição em 13%, equivalente a 831 mil ações, detendo atualmente 5,7 milhões de ações. A Ariel Investments ocupa agora a segunda posição como maior acionista institucional, ficando atrás da Lindsell Train, que detinha 11,1 milhões de ações até 30 de junho.

A incursão da Ariel no Manchester United teve início em 2021, quando adquiriu 6,6 milhões de ações durante o terceiro trimestre. Posteriormente, adicionou mais 4,35 milhões nos três meses seguintes, tornando-se assim o maior acionista institucional do clube. A participação da Ariel atingiu o ápice de 12,3 milhões em março de 2022, adquirindo a maior parte da posição por valores entre US$12 e US$14.

Contudo, a Ariel começou a reduzir sua participação após março de 2022, intensificando as vendas no final de 2022, quando o Manchester United anunciou a consideração de “todas as alternativas estratégicas, incluindo novos investimentos no clube, uma venda ou outra transação”. Durante o quarto trimestre de 2022, Ariel descartou 3 milhões de ações, correspondendo a 26% de sua participação. As ações do Manchester United subiram de US$ 13, antes dos Glazers contrataram o Raine Group para explorar opções de venda, para US$ 23 no final de 2022. A Ariel vendeu mais 1,5 milhões de ações durante o primeiro trimestre de 2023 e 440.000 ações nos três meses subsequentes.

Tanto o Manchester United quanto a Ariel Investments optaram por não comentar sobre a venda.

Compartilhe:

publicidade

O Sports MKT é um grupo de comunicação especializado em negócios no esporte e marketing esportivo. Nosso propósito é entregar notícias e análises diárias sobre o mercado esportivo nacional e internacional.  Informar e inspirar nossos leitores sobre negócios no esporte.

Nota do editor: os textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais iconográficos publicados no espaço “opinião” não refletem necessariamente o pensamento do Sports MKT, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

POST RECENTES

New York Jets revela nova identidade visual
New York Jets revela novos uniformes "Legacy Collection" para a temporada 2024
Fórmula 1 anuncia retorno do GP da Austrália como corrida de abertura na temporada de 2025
Arsenal e PRIME lançam garrafa personalizada
Polêmica na distribuição de ingressos para a final da Liga Europa no Aviva Stadium
Brentford FC inova com tecnologia de dados em seu estádio